O

Ochini - Sobrenome italiano, forma original Occhini, plural de Occhino, o qual é a forma diminutiva de Ochio ( olhos ) , é considerado como sendo derivado de uma alcunha, recordando alguma referencia aos olhos do portador inicial ou ao pai deste. Sendo transmitido posteriormente como um sobrenome que identificaria a família.

Oliveira - Sobrenome portugues, classificado como sendo um toponimico, ou seja, de origem geografica, Oliveira seria a arvore que produz a azeitona (oliva).O sobrenome identifica esta familia devido ao fundador deste tronco familiar possuir uma vasta plantação do fruto, ou pelas caracteristicas simbolicas existentes sobre a arvore, a Oliveira, nos brasões onde aparece, é o simbolo da paz, de vitoria, de fama e gloria imortal. Em portugues arcaico encontramos o registro de sobrenomes com variações de sua grafia, foram registrados como Olveira e Ulveira. Procedem de Pedro de Oliveira, que foi o primeiro a utilizar este sobrenome, cujo filho D. Martim Pires de Oliveira, arcebispo de Braga, fez o Morgado de Oliveira, com seu irmão Mem Pires de Oliveira em 1306.

Olympio - Linhagem descendente dos Cavalcante de Melo. Eu não sei como explicar direito, mas a históia é esta:
Meu bisavô, durante o ciclo do cangaço, fugiu para o sul do país (era natural de pernambuco) Não tenho conhecimento se existe alguma relação entre o cangaço e o êxodo da família, algumas fontes garantem que sim (que a mulher do meu bisavô era irmã de Virgulino) e outras que não (a neta de vigulino nos garantiu que não havia uma irmã), mas a história que segue é verídica.
Ao chegar no sul, meu bisavô mudou de sobrenome, para não ser reconhecido e começou vida nova, trocou o Cavalcante de Melo por Olympio, um sobrenome inventado.
Hoje somos quase quarenta Olympios. Há também na família o caso de um primo de segundo grau, vereador Melinho, que chamava-se Olympio, requisitou a justiça o direito de chamar-se Olympio de Melo, tal a veracidade desses fatos. Existem outros casos assim, como os Casagrande (ex-judeus italianos, de Tubarão Santa Catarina, e os Amorin Novo Leite (tambem ex-judeus) ambos refugiados do Holocausto).

Olympio de Melo - Importante família estabelecida no Piauí, procedente de José Olympio de Mello, que perpetuou em seus descendentes o seu segundo nome de batismo, Olympio, unido ao seu nome de família, Mello, originando-se, daí, a família Olympio de Mello. Deixou descendência de seu cas., por volta de 1879, com Inácia «Olympio de Mello».
Foram pais do Senador Mathias Olympio de Mello [15.09.1882, Barras, PI -], magistrado federal. Senador pelo Piauí. Membro da Academia Piauiense de Letras, do Instituto Histórico da Bahia e do Instituto Histórico Brasileiro.

Onesti - Sobrenome italiano classificado como sendo um pois deriva de um nome próprio, na maioria dos casos, do nome do pai do portador inicial, neste caso vem do nome latino ( Honesto, digno, de nobres sentimentos ) se define como sobrenome através da expressão " Filius Quondam Honestus " ou " Filho do Sr. Honestus ".

Orsida - Sobrenome europeu, acredita-se que tenha tido seu principal uso na Itália, porem nada impedindo que tenha sido utilizado em outros países europeus, sua origem vem do latim Ursus(Urso) nome que era conferido a filho na crença de que este encarnasse os atributos do urso (principalmente sua força e coragem). Em tal época algumas regiões utilizavam a variação Orsi. Tornou-se um sobrenome através da expressão "Filius Quondam Orsi" ou seja "Filho do Sr. Orsi", como neste caso o sobrenome apresenta uma versão feminina (da), acredita-se que se trate de um matronimico, ou seja, um sobrenome que relembra o nome da mãe do portador inicial, o qual foi repassado pôr gerações aos demais descendentes desta família. Filho da Sra. Orsida.

Ortona - Sobrenome de origem italiana classificado como sendo um toponimico, ou seja de origem geografica. O sobrenome define uma pessoa oriunda de uma das duas cidades chamadas de Ortona, o nome desta cidades remontam a raizes pré-latinas e seu significado ainda é ignorado.

Oze/Uzzi- Segundo informações do nosso amigo Walter de Sousa Oze este sobrenome é de origem húngara (HUNGRIA). Seus avós paternos deixaram a Hungria por volta de 1925, não sendo preciso o ano. Se instalaram na cidade de Caiuá, interior de São Paulo. Seu pai diz que o nome OZE se escreve ÜZZI em húngaro.


      Importante - Os textos aqui publicados são apenas pequenas amostras dos historicos enviados, caso seu sobrenome não esteja aqui ou deseje maiores informações visite a sessão "Produtos" ou entre em contato conosco e lhe enviaremos um orçamento sem compromisso.